x

Fique por dentro de todas as novidades do Portal Escolha Com Saúde. Coloque seu email abaixo e faça parte de nossa comunidade!


Cadastre-se gratuitamente e receba todas as novidades do site
Enviar para um amigo »

Nome:


E-mail:


Mensagem:



Para entrar com uma rede social você precisa aceitar os termos abaixo:


Enviar mensagem »

Nome:


E-mail:


Mensagem:



Conteúdos Gratuitos

Insira seu e-mail abaixo para receber este e-book e todas as novidades do Escolha Com Saúde por e-mail!

Crie sua conta!



OU
Fechar
*
*
*
*
*
*
*
Força da Senha

Caso você utilize Hotmail, Outlook ou Yahoo, verifique se o seu e-mail de confirmação de cadastro não está em sua caixa de Spam.

Para entrar com uma rede social você precisa aceitar os termos abaixo:





Fazer Login!



OU
Quero me cadastrar | Esqueci a minha senha
  • Cadastre-se
  • Entrar
  • Contato
  • O ESTRESSE PODE AFETAR SEU INTESTINO, SAIBA COMO COMBATÊ-LO!

    0

    DICAS DE COMO COMBATER O ESTRESSE MENTAL, EMOCIONAL E FÍSICO

    DICAS DE COMO COMBATER O ESTRESSE MENTAL, EMOCIONAL E FÍSICO

    Pesquisas já ligaram os altos níveis de estresse com doenças autoimune, doenças cardíacas, úlceras, diabetes, desequilíbrios hormonais e inúmeras outras condições crônicas de saúde. No entanto, mesmo sabendo desta pesquisa, médicos e pacientes ainda tendem a concentrar-se mais sobre as causas físicas da doença, em vez de os estresses físicos e mentais que muitas vezes afetam a saúde.

    A verdade é que estou vendo mais pacientes com estresse como uma causa primária de doenças crônicas e autoimunes, e não é apenas em adultos!  Existem crianças sofrendo com problemas de saúde relacionados ao estresse.

    Há vários fatores que causam estresse e impactam negativamente sua saúde. O estresse crônico pode danificar seu intestino que, como você sabe até agora, é a porta para outras doenças. Neste artigo vamos dar uma olhada em como o estresse afeta seu intestino.

    Como o estresse afeta o seu intestino?

    Costumo falar sobre como o intestino é a porta de entrada para a saúde, e um intestino danificado pode afetar outras áreas da sua saúde, incluindo o cérebro. O que acontece é que o cérebro e o sistema digestivo compartilham uma conexão de duas vias, para que não só o intestino saudável afete seu estado mental, mas para que o seu estado mental afete as funções do intestino. Vamos dar uma olhada em como esta conexão funciona.

    A resposta do seu organismo ao estresse:

    Quando você sentir qualquer tipo de estresse, seja físico, emocional, ou mental , o seu corpo processa o mesmo através das glândulas supra renais.  As glândulas adrenais respondem criando uma inundação de hormônios do estresse,  incluindo cortisol, que afeta tanto o sistema digestivo quanto o sistema imunológico (80% do que está localizado em seu intestino).

    A nossa resposta ao estresse evoluiu, principalmente como um meio de auto preservação de nossos antepassados que enfrentam situações imediatas, com risco de vida. Infelizmente, essa resposta não é ideal para o tipo de estresse crônico, em paralelo ao que enfrentamos hoje.

    O problema com o estresse crônico:

    Primeiro, suas glândulas suprarrenais aceleram o seu sistema imunitário e isso é altamente inflamatório, se você tem uma ferida aberta e precisa usar a inflamação para combater a infecção. É menos útil e prejudicial, se você estiver cronicamente estressado porque está  trabalhando 80 horas por semana ou o seu casamento está se despedaçando. Sustentar um alto nível de inflamação é perigoso porque ele coloca você no espectro autoimune e, se continuar, ao longo do tempo pode desencadear uma doença autoimune.

    Seu corpo reconhece isso, então ele realmente suprime o sistema imunológico após um pico de cortisol, deixando  40% – 70%  abaixo da linha de base, para equilibrar a explosão inicial da inflamação.

    Quando você experimenta o estresse agudo, como um ataque de urso ou uma gripe, a resposta inflamatória à curto prazo do seu corpo é exatamente o que você precisa aumentar temporariamente em seu sistema imunológico  e dar energia para as células do seu sistema imunológico poder combater a gripe. No entanto, no mundo de hoje, todos nós estamos enfrentando prazos mais longos  e estresses crônicos, como estar sempre disponível para nossos sistemas inteligentes ou trabalhando por longas horas. Não estamos desligando ou desconectando, dando ao nosso corpo a chance de descansar e se recuperar. Como resultado, seu corpo continuamente percorre por períodos de grande inflamação, o que pode danificar o revestimento do intestino, e um sistema imunológico suprimido deixa seu intestino vulnerável a patógenos que você pode estar ingerindo.

    Além disso, quando a sua resposta ao estresse entra em ação, seu sistema digestivo é desligado. Se você estiver correndo de um predador, você precisa de fluxo de sangue concentrado em seus membros para a fuga e seu cérebro para resolver o problema, e não em seu intestino para digerir o seu almoço.

    Como isso impacta na sua vida:

    Neste estado vulnerável quando o sistema digestivo é suprimido ou desligado, seu sistema imune é suprimido e bactérias nocivas são capazes de se multiplicar sem controle. O sistema digestivo é temporariamente incapaz de combater as bactérias ruins, produzindo bactérias boas o suficiente para combatê-las, o que pode levar a desequilíbrios em sua flora intestinal, como o super crescimento da cândida.

    Além do mais, a falta de boas bactérias e um excesso de leveduras ou bactérias ruins podem realmente causar-lhe uma experiência mais estressante porque 95% da sua serotonina (o neurotransmissor que regula o seu humor, seu bem-estar, o seu “sentir-se bem” e o sono) é produzido no intestino, e essa produção é lenta quando você está lutando contra um parasita ou outros problemas intestinais.

    Como combater o estresse e manter o intestino saudável:

    Na sociedade de hoje cheia de coisas para fazer o tempo todo e a sensação persistente de que você poderia estar fazendo mais, pode ser difícil para evitar o estresse. A chave para combater o estresse e impedi-lo de causar efeitos negativos na saúde, é aprender a usar as ferramentas para sair de uma situação estressante.

    Antes de te contar como eu gosto de me desestressar, eu quero ser clara- não há uma melhor maneira de relaxar e aliviar o estresse. Todo mundo se estressa de uma forma diferente, por isso não se estresse tentando seguir a forma perfeita de como relaxar! O importante é encontrar o que funciona para você. Isso pode ser fazendo Yoga, corridas, passar o tempo com sua família, passar um tempo sozinho, trabalhar em seu jardim, ir à igreja ou qualquer outra atividade.

    Está gostando desse artigo? Então cadastre-se abaixo para receber todas as novidades do Escolha Com Saúde no seu e-mail:

    Aqui estão algumas dicas de como combater o estresse:
    Sessão de flutuação em um tanque de privação sensorial:

    Algumas semanas atrás eu fiz a minha primeira sessão de flutuação em um tanque de privação sensorial e eu adorei!  É proporcionado um ambiente livre de luz e som, com uma piscina rasa de água contendo cerca de 500g de sal de Epsom dissolvido.

    A alta concentração de sal de Epsom lhe permite flutuar sem esforço, e a temperatura é a mesma que a da sua pele, de modo que você não pode sentir a água ao seu redor. O efeito é de uma flutuação totalmente silenciosa, sem peso, no escuro, reduz os níveis de cortisol, alivia dores musculares e permite que você gaste 60-90 minutos livres de qualquer estímulo que seja.

    App HarMath Inner Balance:

    Eu amo o aplicativo Inner Balance. Ele usa um sensor externo no seu lóbulo da orelha para ajuda-lo a sincronizar o seu ritmo cardíaco, respiração e mente. É super fácil de usar. Além de combater o estresse, é uma ótima forma de você definir metas e acompanhar o seu progresso.

    Sauna de Infravermelhos:

    Passar um tempo em uma sauna de infravermelhos tem muitos benefícios para a saúde, incluindo o alívio do estresse e desintoxicação.

    Caminhadas:

    Passar um tempo na natureza com a família ou animal de estimação pode ser relaxante e revigorante, além de combater o estresse, melhora a qualidade de tempo que você gasta com quem ama!

    Tomar um banho relaxante com sais de banho caseiros:

    Eu amo terminar minha noite com um banho quente e relaxante. Para um pouco de mimo extra e relaxamento, faça  seu próprio banho relaxante com lavandas, sais de banho, sal Epsom… é perfeito para dores musculares, rigidez e o aroma calmante vai tirar o estresse do seu dia ocupado.

    Fonte: Amy Myers MD

    O que achou do artigo? Deixe seu comentário! Aproveite e cadastre-se no Escolha Com Saúde e receba mais conteúdos de qualidade! 😀 

    whatsapp


    Comentários

    Comentários


    Voltar para a capa do Escolha com Saúde (clique aqui)


    Fechar
    Formada em História. Amante das palavras, mídias sociais e fotografia.

    Deixe um comentário