x

Fique por dentro de todas as novidades do Portal Escolha Com Saúde. Coloque seu email abaixo e faça parte de nossa comunidade!


Cadastre-se gratuitamente e receba todas as novidades do site
Enviar para um amigo »

Nome:


E-mail:


Mensagem:



Para entrar com uma rede social você precisa aceitar os termos abaixo:


Enviar mensagem »

Nome:


E-mail:


Mensagem:



Conteúdos Gratuitos

Insira seu e-mail abaixo para receber este e-book e todas as novidades do Escolha Com Saúde por e-mail!

Crie sua conta!



OU
Fechar
*
*
*
*
*
*
*
Força da Senha

Caso você utilize Hotmail, Outlook ou Yahoo, verifique se o seu e-mail de confirmação de cadastro não está em sua caixa de Spam.

Para entrar com uma rede social você precisa aceitar os termos abaixo:





Fazer Login!



OU
Quero me cadastrar | Esqueci a minha senha
  • Cadastre-se
  • Entrar
  • Contato
  • 7 CAUSAS COMUNS DA CONSTIPAÇÃO E 7 TRATAMENTOS PARA ELIMINÁ-LA

    0

    7 CAUSAS COMUNS DA CONSTIPAÇÃO INTESTINAL E 7 TRATAMENTOS PARA ELIMINÁ-LA

    7 CAUSAS COMUNS DA CONSTIPAÇÃO INTESTINAL E 7 TRATAMENTOS PARA ELIMINÁ-LA

    Você já fez o “número dois” hoje? Ontem? Anteontem? Na medicina convencional, o regular são 3 evacuações por semana, mas para ter um intestino realmente saudável, o melhor é de uma a três vezes por dia.

    Movimentos intestinais regulares é uma indicação chave de um sistema digestivo funcionando corretamente.

    Para alguns, é inconveniente e desconfortável e até mesmo doloroso; outros aceitam a falta de regularidade como normal para seus corpos, quando na realidade não é.

    Nossos corpos são máquinas naturalmente eficientes, e quando nosso sistema é desacelerado, muitas vezes pode acabar resultando em problemas muito maiores.

    Nosso sistema de eliminação foi construído para remover as toxinas e resíduos de nosso corpo. Quando você não elimina regularmente, estas toxinas são presas em seu intestino, sendo absorvidos de volta para a corrente sanguínea através de um intestino solto. Os resíduos em seu intestino produzem bactérias ociosas que podem perturbar o equilíbrio da flora saudável em seu intestino e levar até mesmo à uma inflamação.

    Embora a constipação intestinal seja fácil de ser detectada, a causa por ser por muitos fatores diferentes. Veja aqui algumas das causas e tratamentos mais comuns para a constipação intestinal.

    7 causas comuns da constipação intestinal:
    Desidratação:

    Como um banheiro, o nosso sistema de descarga interno exige água para que funcione adequadamente. A falta de água pode causar a constipação intestinal

    Falta de fibras:

    Fibras não são digeridas pelo seu corpo, mas elas viajam relativamente intactas através do estômago e intestinos, absorvendo água e ajudando resíduos a se movimentarem através do seu sistema.

    O rompimento da flora intestinal:

    Seu sistema digestivo é o lar de uma grande variedade de diferentes tipos de bactérias boas que ajudam a quebrar e absorver alimentos e, em seguida, eliminar o desperdício. Muitos fatores, como tomar antibióticos ou contraceptivos orais, estresse ou inflamações podem perturbar a flora intestinal, levando ao crescimento de levedura, super crescimento bacteriano do intestino delgado e do intestino grosso, todos os quais podem causas prisão de ventre.

    Sensibilidade aos alimentos:

    Prisão de ventre pode ser um sintoma comum do caos digestivo com a sensibilidade a certos alimentos. O corpo se esforça para digerir e eliminar os alimentos que causam a inflamação. Embora a sensibilidade do alimento pode ser causada por uma vasta gama de alimentos, glúten e produtos lácteos são os culpados mais comuns.

    Hipotireoidismo:

    Hipotireoidismo, uma disfunção da tireoide, retardando muitos dos sistemas do seu corpo, incluindo a evacuação de fezes. Para seu corpo eliminar o desperdício, o cólon deve contrair, e as contrações lentas ou fracas do cólon podem ser um sintoma de hipotireoidismo. Estima-se que 25 milhões de americanos tenham uma disfunção da tireoide e a maioria não tem ideia disso.

    Doença autoimune:

    Doenças autoimune são nascidas quando seu corpo está trabalhando duro para se defender de algo potencialmente perigoso, como um alérgeno, uma toxina, uma infecção ou até mesmo um alimento que ele não consegue diferenciar entre intruso ou parte de se próprio corpo. Isso faz com que seu sistema imunológico ataque seus próprios órgãos. Doenças autoimunes podem afetar muitos sistemas diferentes em seu corpo, que incluem doenças neurológicas como esclerose múltipla, doença de Parkinson, doenças da tireoide e o lúpus. Todas estas doenças podem causar constipação.

    Obstrução intestinal:

    Uma das causas mais agudas da constipação intestinal, pode ser uma obstrução no intestino delgado ou grosso que impede de se mover através das fezes. As causas mais comuns de obstrução intestinal são cicatrizes ou aderências causadas por cirurgia abdominal, hérnias, tumores, doença de Crohn (que pode restringir ou torcer o intestino), ou até mesmo o câncer.

    Há naturalmente, muitas outras causas potenciais para a constipação como estresse excessivo, falta de exercícios ou usar analgésicos regularmente, por isso é melhor ter uma visão abrangente de sua saúde e quais os fatores que podem estar contribuindo para a sua constipação. Depois de entender o que está causando sua constipação, você pode trata-la adequadamente.

    Muitas pessoas acreditam que a maneira mais fácil para aliviar a constipação é recorrer a laxantes, mas isto pode ser duro para o corpo, e é apenas uma solução de curto prazo, uma vez que não abordam a verdadeira causa da constipação. Para curar a constipação a chave é identificar a causa e trata-la juntamente com seus sintomas.

    7 formas de tratar e prevenir a constipação instestinal:

     

    Você não precisa sofrer com ou simplesmente aceitar a constipação como uma parte regular da vida. Se você continua a lidar com a prisão de ventre, dê uma olhada em sua dieta, seu ambiente e seus hábitos, para descobrir  a verdadeira causa da sua constipação e assim descobrir a solução certa para regular seu intestino!

    Beba bastante água:

    Certifique-se de beber bastante água durante todo o dia. A água pode fazer toda a diferença para o seu intestino. Se você muitas vezes esquece de beber a água, uma dica é utilizar aplicativos que podem te lembrar durante o dia. 

    Consuma Fibras:

    Comer alimentos ricos em fibras é um caminho para a regularidade, por isso não deixe de consumir alimentos como nozes, couve-flor, feijão, cenoura, maçã, frutas cítricas e outros alimentos ricos em fibras.

    Evite alimentos inflamatórios:

    Fique longe de alimentos inflamatórios, especialmente glúten, laticínios, milho, soja e açúcar.

    Comece a tomar probióticos:

    A chave para restaurar as bactérias benéficas que mantém seu intestino é tomar suplementos de probióticos, isso irá assegurar boas bactérias necessárias para os movimentos intestinais regulares. Consulte a sua nutricionista ou médico para verificar o melhor tipo para o seu caso.

    Faça teste de Tireoide:

    Se você e seu médico suspeitarem que sua constipação é causada por hipotireoidismo, você deve efetuar teste de tireoide. Se seus níveis de T3 estiverem baixos, você vai querer adotar um protocolo de tireoide, incluindo um multivitamínico, uma dieta livre de glúten e medicações para a tireoide.

    Faça o teste de doença autoimune:

    Com este conhecimento, você pode parar e até mesmo reverter sinais de doença autoimune, eliminando alimentos tóxicos, introduzindo alimentos restauradores e identificando toxinas ambientais.

    Colonoscopia intestinal:

    Se você sentir dor de barriga intensa e constante com a sua constipação, você pode estar sofrendo de uma obstrução intestinal, vá ao médico imediatamente. Seu médico irá realizar uma colonoscopia para identificar a obstrução para determinar os próximos passos.

     

     

    FONTE: Amy Myers MD

    O que achou deste artigo? Deixe seu comentário! Aproveite e cadastre-se no Escolha Com Saúde e receba muito mais informações de qualidade! 😉 

    WhatsApp


    Comentários

    Comentários


    Voltar para a capa do Escolha com Saúde (clique aqui)


    Fechar
    Formada em História. Amante das palavras, mídias sociais e fotografia.

    Deixe um comentário